O que tem aqui?

Brasília recebe a primeira edição de evento para famílias

Um fim de semana sobre e para as crianças! O programa Prioridade Absoluta, do Alana, organiza, dias 1 e 2 de julho, o ‘Jardins da Infância’, evento repleto de atividades para crianças e adultos, no Centro Cultural do Banco do Brasil, em Brasília. A ação, além de integrar as famílias, visa informar, sensibilizar e mobilizar as pessoas, para que sejam defensoras e promotoras dos direitos das crianças nas suas comunidades, com prioridade absoluta. O evento é gratuito e aberto ao público.

No sábado (1), às 10h, acontece a exibição do filme ‘O Começo da Vida’, dirigido por Estela Renner. Em seguida, a psicanalista e diretora do Instituto Gerar, Vera Iaconelli, e o escritor e educador Severino Antônio conduzem um bate-papo sobre primeira infância, parentalidade e afeto. À tarde, às 14h, é a vez do recém-lançado média metragem do  Território do Brincar, o ‘Terreiros do Brincar’, dirigido por Renata Meirelles e David Reeks. Gabriel Limaverde, filósofo e educador da equipe de Educação e Cultura da Infância do Alana; Dênis Rodrigues da Silva, um dos coordenadores do Instituto Nzinga de Estudos Capoeira Angola e de Tradições Educativas Banto no Brasil; e Lia Maria dos Santos de Deus, mestra em Planejamento e Gestão de Políticas Públicas Educacionais em Gênero e Raça, especialista em Culturas Negras do Atlântico e pesquisadora da Fiocruz/ENSP conversam sobre a participação de crianças em grupos de manifestações populares. 

Para a tarde de domingo (2), entre 14h e 19h, estão previstas atividades ao ar livre, com oficinas destinadas ao público infantil, e rodas de conversa para os adultos sobre diversos temas relacionados à infância.O gramado do CCBB estará aberto para receber as famílias com brincadeiras tradicionais, e será um bom momento para a realização de piqueniques, não esqueça de levar sua toalha e alimentos.

“O evento visa, em um ambiente agradável e adequado, receber crianças, gerar reflexão e ação em defesa da infância. O objetivo central é que as pessoas sejam impactadas por esta experiência e sintam-se responsáveis pelos direitos da criança, de modo a se unir e atuar em prol da prioridade absoluta da infância. Priorizar a criança, dando efetividade a seus direitos, é essencial para a construção de um país melhor, no presente e no futuro”, explica Isabella Henriques, diretora de Advocacy do Alana.

Confira a programação completa aqui. 

Categoria: Notícias