O que tem aqui?

Mobilização para um Carnaval sem violações

Prioridade Absoluta cria modelo de carta para que qualquer cidadão solicite ações de combate ao trabalho infantil e à violência sexual.

O Carnaval faz parte da história brasileira e é uma importante manifestação cultural que permite a aproximação e integração à diferentes festejos. Porém, neste período acontecem diversas violações, em diferentes cidades brasileiras é possível encontrar crianças trabalhando na economia informal e verifica-se, também, um aumento nos registros de casos de violência sexual.

Pensando nesse cenário, o projeto Prioridade Absoluta, do Instituto Alana, criou um modelo de carta para que qualquer cidadão possa solicitar junto à Prefeitura informações sobre a existência de políticas focadas em impedir a ocorrência de trabalho infantil e violência sexual, durante o carnaval. A carta, assim como as instruções para o envio, pode ser acessada aqui.

A norma da prioridade absoluta prevê que políticas voltadas à infância tenham preferência, além de assegurar a destinação privilegiada de recursos para essa área. Assim, o Poder Público fica obrigado a desenvolver políticas focadas em erradicar o trabalho infantil e a violência sexual. O Prioridade Absoluta convida àqueles que enviarem a carta a relatarem sua experiência por meio do e-mail: contato@prioridadeabsoluta.org.br.

Veja também:
– Na garantia dos direitos da infância, a mobilização é de todo mundo
– Parceria com TJSP leva discussão dos direitos da infância para o Estado
– Relator da ONU alerta para violações dos direitos humanos com a PEC 55

Categoria: Notícias